Júri decide não atribuir Prémio ‘LeYa’ por falta de qualidade das candidaturas

O júri do Prémio LeYa, presidido pelo poeta Manuel Alegre, decidiu nesta Terçafeira não atribuir, neste ano, o galardão, porque os romances concorrentes “não correspondem aos parâmetros de qualidade literária exigidos”, segundo o comunicado emitido no final . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta