Movimento Lev’Arte exibe “Rostos da Independência”

O evento, com enfoque nos recitais de poesia, está inserido nas comemorações do Dia da Independência Nacional e inclui concertos, humor e teatro. No Recital serão revisitados escritores nacionalistas, como António Agostinho Neto, António Jacinto, viriato da Cruz, Mário Pinto de Andrade e Alda Lara, entre outros

O auditório Pepetela do Camões – Centro Cultural Português em Luanda, acolhe Quinta-feira, 6, o Recital de Poesia com o título “Rostos da Independência”.

O evento promovido pelo Movimento Lev’Arte, está inserido nas comemorações do Dia da Independência Nacional, a assinalar-se a 11 deste mês, data que marcou o nascimento e os destinos de Angola, como país livre e independente. Além do recital como principal, o programa inclui ainda concertos, sessões de humor e de teatro. Para dar mais força anímica, o coordenador do evento, Kiocamba Cassua, referiu que a literatura constituiu uma importante arma de combate no processo de luta de libertação nacional, tendo a partir dos escritos de nacionalistas que muitos angolanos foram sensibilizados e mobilizados para o objectivo da independência.

Recordou que o surgimento da Revista “Mensagem” e do Grupo musical Ngola Ritmos são exemplos de luta pela libertação, através da Literatura e da Arte”.

No Recital serão revisitados escritores nacionalistas, como António Agostinho Neto, António Jacinto, Viriato da Cruz, Mário Pinto de Andrade e Alda Lara, entre outros. Darão voz a estes poetas nacionalista, vários jovens declamadores, dos quais, Dom Afonso, Lourenço Kimbungo, Eucaniana, Zola Ramos, Maria Tavares, Bel Neto, Duarte Boa Morte e Adão Zina.

Na Música, estarão Fernando Jessy, Waldemiro Gonga e Bona Ska, e no Humor, Osvaldo e Pato e Galinha. O programa reserva ainda uma sessão de teatro com o Grupo Tata Yetu.

Organização

O Lev’Arte é um Movimento Literário Juvenil, criado em 2006, com o objectivo de incentivar e despertar na juventude o gosto e o hábito da leitura e da escrita.

Tem representações nas 18 províncias do país, onde desenvolve regularmente actividades diversifi cadas, designadamente recitais de poesia, lançamento de obras literárias, conferências sobre literatura e workshops sobre Escrita Criativa.

Tem largos milhares de associados e um público-alvo médio anual de mais de 200.000 jovens e tem sido um dos mais regulares parceiros do Centro Cultural Português, entre promotores juvenis, quer no lançamento de obras literárias e ensaios quer na organização de Recitais de Poesia.

error: Content is protected !!