ONU suspende triagem de Ébola após três trabalhadores humanitários serem mortos no Sul do Sudão

O órgão da Organização das Nações Unidas para a Migração (OIM) disse na Quarta-feira que suspendeu alguns dos seus serviços de triagem para o Ébola depois de três dos seus trabalhadores humanitários terem sido mortos no Sul do Sudão.

O chefe de missão da OIM no Sudão do Sul, Jean-Philippe Chauzy, disse que os trabalhadores morreram durante confrontos entre grupos rivais na região central do Equador.

Ele disse que a organização suspendeu a triagem para o Ébola em cinco pontos da fronteira entre o Sudão do Sul, Uganda e República Democrática do Congo, onde um surto contínuo da doença matou milhares de pessoas

error: Content is protected !!