Petro e Marinha batem-se no Arena

O Campeonato Provincial sénior masculino de basquetebol, que começa hoje, surge para salvar a época 2019/2020, porque a dívida que a federação tem com os árbitros ainda não foi saldada. Os homens do apito preferiram cruzar os braços

O Petro de Luanda e a Marinha de Guerra abrem hoje a primeira jornada do Campeonato Provincial sénior masculino de basquetebol, no Arena do Kilamba, às 16:00. No arranque da ronda, os tricolores são teoricamente favoritos, mas é ponto assente que o adversário tem argumentos para contrapor.

Mesmo respeitando a Marinha, os petrolíferos só pensam no triunfo, uma vez que têm um plantel superior. Por esta razão, o técnico Lazare Adingono melhorou o sistema defensivo e ofensivo para não ser surpreendido. A Marinha tem a fama de vencer os grandes e, sobretudo, na ponta final do desafio aproveitase dos erros do adversário.

A segunda partida do dia inscreve o 1º de Agosto-CFDK, no Pavilhão Vitorino Cunha, às 16:00. Os militares, orientados por Paulo Macedo, entram como favoritos, aliás tem também uma equipa superior a do adversário.

O Interclube joga com a Universidade Lusíada, no Pavilhão 28 de Fevereiro, às 17:00. Os polícias enfrentam os estudantes no seu reduto, mas estes são fortes técnica e tacticamente dentro ou fora de casa. O Vila Clotilde e o Atlético Sport Aviação (ASA) jogam no Pavilhão 28 de Fevereiro, às 15:00.

O Campeonato Provincial, que não se realizava há três anos, surge para salvar a época 2019/2020. O arranque do Campeonato Nacional continua condicionado por causa da dívida que a Federação tem para com os árbitros na ordem dos 7 milhões de Kwanzas. O valor, segundo uma fonte do órgão que rege a modalidade no país, é referente à época passada, cujo vencedor foi o Petro de Luanda.

A Federação enfrenta uma crise financeira e administrativa sem precedentes, o que levou o seu presidente, Hélder Cruz, a demitir-se do cargo.

error: Content is protected !!