Jovem morto por meliantes em plena via pública

Um jovem identificado por Cândido Chivale Branco, de 18 anos de idade, foi morto esta segunda-feira por meliantes, que o abordaram em plena via pública no bairro Sanda Ngoti, arredores da cidade do Huambo, deu a conhecer esta terça-feira fonte institucional.

Trata-se, segundo o porta-voz da Polícia Nacional na província do Huambo, inspector-chefe Paulo Chindele Cassinda, de um homicídio voluntário, por agressão física, com recurso à arma branca (faca), praticado por sete elementos, cujas idades vão dos 17 aos 23 anos. Referiu que o crime foi cometido por volta das 8h00 do passado dia 11, sendo que os meliantes já se encontram detidos, para a consequente responsabilização criminal.

O oficial da Polícia Nacional informou ainda que as forças encarregues pela manutenção da ordem e da tranquilidade pública detiveram igualmente dois cidadãos, acusados de terem violado uma jovem de 24 anos de idade, por sinal amiga dos acusados.

Durante o fim-de-semana prologando, por ocasião das celebrações do Dia da Independência Nacional, assinalado na última segunda-feira (11 de Novembro), foram detidos 58 cidadãos indiciados na prática de 55 delitos diversos, desde posse ilegal de arma de fogo, uso de estupefacientes, roubo de motorizadas, de gado bovino, entre outros. Na sequência, foram recuperados uma arma de fogo, 100 sacos de estupefacientes do tipo liamba, oito metros de cabos eléctricos, uma motorizada, igual número de cabeça de gado bovino, diversos meios eléctricos e utensílios domésticos.

No domínio da segurança rodoviária, o inspector-chefe Paulo Chindele Cassinda informou que três pessoas morreram e outras 10 ficaram grave e ligeiramente feridas, na sequência de 13 acidentes de viação, entre atropelamentos e colisão entre carros e, as vezes, com motorizadas, resultantes do excesso de velocidade, não cedência de prioridade de passagem e a falta de precaução por parte dos motoristas.

Para evitar a perda prematura de vidas humanas nas estradas da província do Huambo, planalto central de Angola, uma operação para prevenção e segurança rodoviária foi realizada, neste período, que resultou na apreensão de 31 carros, 18 motorizadas a notificados 76 cidadãos por infracções diversas ao Código de Estrada.

error: Content is protected !!