UAN, ISUTIC e INACOM assinam acordo de cooperação

a universidade Agostinho Neto (UAN), o Instituto Superior de Tecnologia e Comunicação (ISUTIC) e o Instituto Angolano das Comunicações (INACOM) assinaram ontem, em Luanda, um protocolo de cooperação no âmbito da investigação, análise, decisão e regulação do sector das comunicações em Angola

O protocolo de cooperação entre a UAN e o INACOM tem validade de cinco anos, renovando-se automaticamente por iguais períodos, excepto por denúncia escrita por uma das partes, com a antecedência mínima de seis meses.

O vice-reitor para a área académica e vida estudantil da UAN, Domingos Margarida, manifestou o seu desejo de que os estudantes aproveitem ao máximo o acordo, tendo em conta que o protocolo servirá de incremento para potenciar e dinamizar o ensino no sector produtivo das tecnologias de informação e comunicação.

O acordo abarca a área de especialização de estudos, criação de centros, observatórios, protecção do consumidor, massificação da difusão dos conteúdos actuais e promoção de interação entre os recém-licenciados e os estudantes das áreas das TIC, pelo que o académico acredita que se trata de uma excelente oportunidade para a necessidade que tende, uma vez mais, as alinhar as práticas pedagógicas, não só a investigação e a extensão.

Para além dessas áreas, o sector produtivo, o mercado de trabalho, também está incluso através do dialogo com as potenciais empregadoras dos quadros formados, num modelo em que saíam todos beneficiados, quer seja os docentes, investigadores e os departamentos dos cursos administrados na instituição.

Com essa parceria o INACOM contará com o auxílio da academia no sentido de regular, supervisionar e fiscalizar o mercado das comunicações electrónicas no país. Na ocasião, o presidente do Conselho de Administração do INACOM, Leonel Inácio Augusto, explicou que a parceria poderá contribuir para encontrar as soluções céleres, ligando o mundo académico e a indústria, no sentido de resolver os principais desafios dos pontos de vista da regularização, de operação e do cidadão.

De acordo com, Augusto da Silva Chasionga, director-geral do ISUTIC, nas TIC se encontram muitos benefícios, pelo facto, as academias necessitam de ter o cruzamento com as empresas ligadas ao sector, pelo que a sua instituição está a formar quadros nesta área que vão carecer de ganhar experiência com o INACOM.

Os estudantes beneficiados das duas instituições de ensino terão a oportunidade de conciliar a teoria com a prática, consolidando os seus conhecimentos.

Com vista a esclarecer os benefícios do acordo de cooperação foi realizado, ontem, um seminário no auditório do campus universitário, que contou com a participação de estudantes dos cursos de matemática, engenharia electrotécnica e telecomunicações, ciências da computação, engenharia informática e engenharia electrotecnia.

error: Content is protected !!