Mais de 100 pessoas morreram em acidentes de viação

Pelo menos 104 pessoas morreram e 697 ficaram feridas, em consequência de 160 acidentes de viação, ocorridos na província do Bié de Janeiro a Outubro do ano em curso

A informação foi prestada, ontem, durante um acto alusivo ao Dia Mundial das Vítimas de Acidentes nas Estradas, pelo chefe de Departamento de Transgressões e Acidentes da Direcção de Viação e Trânsito, do Comando Provincial da Polícia Nacional, intendente Adão Filipe Gaspar. O responsável afirmou que, comparativamente ao ano anterior, houve uma diminuição de duas mortes, enquanto a quantidade de feridos e acidentes aumentou para 57 e três, respectivamente.

Entre os acidentes registados, destacam-se choques entres veículos e velocípedes com e sem motores, choques entre veículos automóveis, capotamentos, despistes, choques contra obstáculos fixos, entre outros. Adão Filipe Gaspar frisou que os sinistros, além de provocarem mortes e feridos, também causaram danos materiais avaliados em 64 milhões e 291 mil e 200 Kwanzas, menos 14 milhões e 240 mil Kwanzas, em relação ao período anterior.

Apontou como principais causas, imprudências, falhas de travões, mau estado de troços rodoviários, excesso de velocidade, condução em estado de embriaguês, não cedência de prioridade de passagem. Na ocasião, o governador da província do Bié em exercício, José Fernando Chatuvela, solicitou aos efectivos da Viação e Trânsito, em parceria com outras instituições, no sentido de redobrarem esforços na sensibilização e mobilização dos automobilistas, de forma a se reduzir cada vez mais a quantidade de acidentes. Pediu igualmente aos automobilistas a pautarem pela prudência quando estiverem a conduzir, de forma a evitar acidentes e perda de vidas humanas e mutilações de membros superiores e inferiores.

Anualmente, celebra-se no terceiro Domingo do mês de Novembro o Dia Mundial em Memória às Vítimas da Estrada, adoptado pela ONU, para evocar todos aqueles que perderam a vida em acidentes de viação. Em Outubro de 2005, a Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou uma resolução conclamando todos os países para que estabelecessem o terceiro Domingo do mês de Novembro de cada ano como o dia dedicado à Memória das Vítimas da Estrada. A efeméride foi especialmente concebida para garantir que haja mobilização de toda a população mundial contra essa “violência previsível”, para confortar os milhões de parentes e amigos das vítimas que sofrem e sofrerão para sempre as consequências.

error: Content is protected !!