Egipto e Angola rubricam Memorando de Entendimento

Os ministros da Economia e Planeamento, Manuel Neto Costa, e do Investimento e Cooperação Internacional do Egipto, Sahar Nasr, rubricaram, ontem, na Nova Capital Administrativa egípcia, um memorando de entendimento sobre economia, investimento e cooperação técnica, à margem do 4º Fórum de Investimento para a África 2019, que este país acolheu de 22 a 23 do mês em curso

O referido Memorando versa, entre outros aspectos, sobre mecanismos de interacção em matérias relacionadas com o intercâmbio de experiências técnicas e económicas visando a melhoria do ambiente de negócios nos dois países e a implementação dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) com base nas leis e regulamentos aplicáveis em Angola e no Egipto. Para o acompanhamento e implementação do citado instrumento de cooperação, ora rubricado, uma comissão mista entre os dois países será criada.

O Fórum, que visa promover investimentos para África em infra-estruturas e estimular o comércio intra-africano, registou o ponto mais alto nesta Sexta- feira, (22) com a mensagem dirigida pelo Presidente egípcio, Abdel Fattah El-Sisi, na qual apelou à reciprocidade a todos os parceiros de África nas grandes oportunidades de investimento que o continente africano oferece, assim como a de mobilização de recursos financeiros para a implementação em projectos de infra-estruturas nos sectores de estradas, ferroviário, marítimo e de energia.

O evento, que contou com a presença de vários chefes de Estado, de Governos e ministros africanos, embaixadores acreditados neste país, instituições financeiras regionais e internacionais, membros do Executivo egípcio e empreendedores do sector público e privado, assim como convidados, analisou diversas temáticas, nomeadamente, a melhoria das parcerias para o desenvolvimento inclusivo em África, a modernização de infra-estruturas, o aumento da prosperidade compartilhada e o crescimento económico.

Constaram ainda na agenda do fórum a mobilização de investimentos para a transformação industrial de África, as perspectivas de investimento árabeafricano na era do livre comércio no continente, bem como uma mesa redonda presidencial com foco no potencial competitivo do sector privado no Egipto e em África. Angola participou neste fórum com uma comitiva chefiada pelo ministro da Economia e Planeamento, Manuel Neto da Costa, o embaixador no Egipto, Nelson Cosme, o presidente do Conselho de Administração da AIP EX, António Henriques da Silva e vários funcionários seniores destas instituições.

De referir que as relações entre os dois países datam dos anos 60, altura em que as autoridades egípcias prestaram apoios aos movimentos de libertação de Angola na luta armada contra o então regime português, tendo estes laços ficado mais fortalecidos com a abertura da nossa missão diplomática no Cairo em 1976 e ganharam maior impulso a 27 de Setembro de 1985, quando os dois governos, subscreveram, o ainda vigente acordo de Cooperação Técnica. Para o acompanhamento e implementação do citado instrumento de cooperação, ora rubricado, uma comissão mista, entre os dois países será criada.

error: Content is protected !!