Novos dirigentes da UNITA serão apresentados hoje

O partido de União Nacional para Independência Total de Angola (UNITA) apresenta hoje, em Luanda, o seu novo elenco saído do XIII Congresso ordinário realizado de 13 a 15 do mês em curso, que elegeu Adalberto Costa Júnior como o novo presidente

XIII Congresso Ordinário da UNITA deliberou a criação de duas vicepresidências, tendo Adalberto Costa Júnior indicado o nome da deputada e académica Arlete Liona Chimbinda para 1ª vice-presidente. O então secretário provincial da UNITA no Bengo, Simão Albino Dembo, foi nomeado 2º vice-presidente. A nomeação de secretário geral da UNITA recaiu sobre Álvaro Chikwamanga Daniel, Outra novidade na nova direcção da UNITA é a criação do cargo de secretário-geral adjunto para as Autarquias Locais, a ser exercido por Lázaro Kakunha, que deixa as funções de secretário nacional para a gestão de quotas. O novo órgão passa a ser integrado por 351 membros efectivos e 60 suplentes. O alargamento dos membros da Comissão Política foi justificado pela necessidade de se dar maior espaço às mulheres e jovens no órgão deliberativo, nos intervalos dos Congressos.

Entre os membros da Comissão Política destacam-se os nomes do ex-presidente, Isaías Samakuva, a esposa, Albertina Inês Samakuva, os então candidatos à liderança do partido Alcides Sakala, Raul Danda e José Pedro Kachiungo, bem como figuras de proa como Ernesto Mulato, Eugénio Manuvakola, Mártires Correia Victor, Demóstenes Chilingutila e Marcial Dachala. Entre a juventude, há a destacar, além do actual secretário-geral da JURA, Agostinho Kamuango, nomes como os de Adriano Sapiñala, Manuel Ekuikui e Elsa Pataco

error: Content is protected !!