Globo apresenta telenovela substituta de “Dona do Pedaço” em Angola

a nova telenovela intitula-se “Amor de Mãe” e foi apresentada ontem no município de Talatona em Luanda. Faz menção ao empoderamento feminino, as diferenças sociais, os laços de amor e a força de uma mãe

A Globo, considerada uma das maiores cadeias televisivas brasileiras, apresentou ontem ao público angolano, a telenovela “Amor de Mãe”, em substituição de “Dona do Pedaço”, num evento realizado, em Talatona, Luanda. A iniciativa, segundo o director internacional de Marketing da referida estação, Felipe Boclin, reafirma o afecto que a mesma tem pelo público angolano.

O responsável referiu que “Amor de Mãe” tem uma ligação muito forte com a Mãe Africana, relactivamente, a forma como ela cuida dos seus filhos e afigura-se um exemplo para muitos países. Afirmou igualmente que Angola, foi especialmente, para a rede Globo, um lugar muito importante. “Estamos aqui para fazer a campanha noutros países. Porém, acredito que por aqui temos um sentimento diferente”, disse. “Quanto ao amor de mãe no sentido próprio, acho é um sentimento muito único, através do qual todas as mães se conectam”, realçou Felipe Boclin, acrescentando que a telenovela anterior, dentre as várias mensagens positivas, apelou, sobretudo, a determinação, coragem e empoderamento feminino.

História e mensagem

“Amor de Mãe” retrata a história de Lurdes (Regina Casé), Thelma (Adriana Esteves) e Vitória (Taís Araújo), três mulheres que vivem plenamente a maternidade e, apesar de todas as diferenças que as separam, terão suas vidas entrelaçadas. Porém, apela à emoção, com temas como tráfico de crianças, activismo ambiental, o empodera
mento feminino, diferenças sociais, laços de amor e a força de uma mãe.

A actual telenovela que vai ao ar a partir das 21 horas, tem a maternidade como tema central e mostra como o quotidiano pode ser afectado, positiva ou negativamente, pelos acontecimentos da vida. “É um trama sobre o amor e sobre as escolhas feitas em situações-limite.

“Não importa a classe social, uma mãe sente empatia por outra. É impossível resistir a essa identificação. E sinto que estamos precisando estimular a empatia no Brasil e no mundo como um todo”, disse a autora Manuela Dias. “É uma novela positiva, focada em pessoas que querem mudar o mundo para melhor”, completa o director artístico da mesma, José Luiz Villamarim.

Elenco técnico

A telenovela criada e escrita por Manuela Dias conta com a colaboração de Roberto Vitorino, Mariana Mesquita e Walter Daguerre, e supervisão de Ricardo Linhares. A direcção artística é de José Luiz Villamarim, com direcção de Walter Carvalho, Noa Bressane, Philippe Barcinski, Isabella Teixeira, Fellipe Barbosa e Kiko Marques.

O evento

Entre os presentes no evento, estiveram várias figuras como Os Tuneza, Maria Nguamba, José Mena Abrantes, Clésio e Clénio Gomes, Nino Republicano e Celso Malavoloneke. Ainda contou com as actuações de Fabinho Sensação e a Banda Carioca interpretando sambas e pagodes das novelas da Globo e com actuação de Pérola e Rui Orlando.

error: Content is protected !!