O editorial:Sempre firmes

Para a frente e para cima é que não, daqui só para baixo. Parece ser o lema de Angola na questão do desenvolvimento humano. A cada relatório publicado é um desassossego, mas para alguns apenas, os que ainda conservam a capacidade de se envergonhar do estado em que está este país que tem tudo para dar certo. Porém, as coisas vão piorando, a pobreza alastra-se, a capacidade intelectual para reverter a situação é cada vez menor. Qualquer dia não haverá no país capacidade intelectual para perceber a gravidade da situação, muito menos ainda para remar para outro lado. Os níveis de desnutrição terão sequelas importantes no desenvolvimento mental e na capacidade de aprender. Aliás, quando se vê os nossos políticos com roupas, relógios, carros, festas e até discursos do primeiro mundo, está claro que daqui não saíremos, o país está firme na pobreza. Sempre a descer.

error: Content is protected !!