Insectos que não gostam de pescadores

Agora, no Nzeto, os pescadores, homens do mar, estão a braços com uma praga de insectos. As autoridades não dizem de que tipo de insectos se trata, mas não são insectos quaisquer, são ferozes, roem madeira, tanto, que destruíram já quinze embarcações de pesca artesanal, pondo em risco tudo o que faz vibrar a economia da região.

O município é piscatório e os duzentos e trinta quilómetros que o separam de Mbanza Kongo, a capital provincial do Zaire, não o impedem de ser um bom fornecedor de pescado para a cidade grande, e para Luanda também.

Mas agora, esses bichos podem impedir e alguém tem de fazer alguma coisa, começando por identifi cá-los e buscar formas de os conter, muito especifi camente no seu ataque à madeira dos barcos, nem que seja encontrando um tipo de tinta de que eles não gostem.

error: Content is protected !!