1º de Agosto joga cartada decisiva frente ao TP Mazembe

1º de Agosto joga cartada decisiva frente ao TP Mazembe

O 1º de Agosto recebe hoje o TP Mazembe da República Democrática do Congo (RDC) No Estádio 11 de Novembro, em Luanda, em jogo referente à terceira jornada do grupo A da Liga dos Clubes Campeões Africanos de futebol, às 17:00. Depois de uma derrota e um empate, os militares procuram esta tarde a primeira vitória na prova, triunfo que poderá dar algumas esperanças para a passagem à outra da fase da competição mais importante de clubes do continente.

Aliás, a equipa das Forças Armadas Angolanas ocupa a última posição com apenas um ponto, menos cinco que o adversário de hoje que lidera o grupo. A turma da RDC precisa de um empate para avançar para a fase seguinte. Ainda assim, outro resultado, que não o triunfo, acabaria por deitar por terra os objectivos dos militares, sobretudo se na outra partida do grupo o Zamalek do Egipto (2º com 3 pontos) vencer o Zesco United da Zâmbia (3º com 1 ponto), visto que na segunda volta o 1º de Agosto realizará apenas um jogo em casa e dois fora. Em 2018, ano em que o 1º de Agosto eliminou nos quartosde-final a equipa congolesa, após o nulo em Luanda, os militares empataram a uma bola na RDC.

“zito está de fora” O treinador-adjunto do 1º de Agosto, Ivo Traça, confirmou, ontem, a O PAÍS, que o médio ofensivo Zito Luvumbo não se recuperou para este desafio. “Infelizmente, não vamos contar com os préstimos do jogador já citado, mas já temos opções para ocupar o seu lugar”, assegurou. Por outro lado, Ivo Traça revelou que o adversário sabe bem o quer, pois vai procurar explorar os nossos pontos fracos de modo a conseguir sair de Luanda com um ponto na bagagem. “A jogar em casa e perante os nossos sócios e adeptos a palavra de ordem é a vitória, porque é o resultado que precisamos para sair da última posição. Para isso, a equipa tem de entrar em campo concentrada”, alertou