Reabilitação de estradas orçada em Akz mais de 3 mil milhões

Reabilitação de estradas orçada em Akz mais de 3 mil milhões

O valor consta da dotação financeira da província para 2020, segundo o delegado provincial das Finanças, Carlos Frederico, em conferência de imprensa sobre o Orçamento Geral do Estado (OGE) de Malanje para o próximo ano, que prevê 35 por cento para o sector social.

O montante em referência corresponde a 0,54% por cento do OGE de Malanje e destina-se à terraplanagem de mil e 762 quilómetros de estrada em 13 municípios, com excepção de Cacuso, e asfaltagem de outros 50 quilómetros na cidade de Malanje, bem como a construção e reabilitação de várias pontes. Além da asfaltagem (recelagem) dos 50 quilómetros de estradas na capital da província, avaliada em 178 milhões, 255mil e 205 Kwanzas, a cidade de Malanje beneficiará igualmente de terraplanagem de 120 quilómetros de vias secundárias e terciárias estimados em 141 milhões, 566 mil e 081 Kwanzas do OGE global da província.

Entretanto, o delegado provincial das Finanças disse que o OGE de Malanje para o próximo ano, é de 93 mil milhões, 60 milhões, 552 mil e 515 Kwanzas, voltados para projectos, despesas correntes e outros pressupostos. Deste valor, realçou, 59 mil milhões, 243 milhões, 411 mil e 290 Kwanzas são de dotação orçamental local para a execução de acções inseridas no PIP, PIIM (Plano Integrado de Intervenção nos Municípios), programa de combate à pobreza, entre outras a serem geridas localmente, tendentes a melhorar d qualidade de vida dos cidadãos e desenvolvimento das comunidades.

Enquanto isso, 33 mil milhões, 817 milhões, 141 mil e 225 Kwanzas serão aplicados em projectos de âmbito e execução central, com destaque investimentos no Projecto Hidroeléctrico de Laúca, construção dum edifício sede da 2ª Região Tributária de Malanje que abarca as províncias do Cuanza-Norte e Uíge, Construção da Centralidade da Carreira de Tiro, Gabinete de Gestão do Pólo de Desenvolvimento Turístico de Calandula, entre outros.

Sem avançar números, o responsável precisou que o OGE de 2020 aumentou em 20 por cento em relação ao do ano de 2019 e prevê ainda construções e apetrechamento de uma Esquadra Integrada da Polícia Nacional, da nova Unidade da Polícia Fiscal da Escola Rural de Capacitação e Ofícios, do Centro de Investigação e Desenvolvimento de Caprinos e Ovinos, do Memorial dos Soberanos do Reino do Ndongo, da Casa de Apoio a Crianças Sem Cuidados Parentais, entre outras infra-estruturas, além de outras despesas, incluindo formação de quadros e salários.