UNITA exige institucionalização das autarquias

UNITA exige institucionalização das autarquias

O comunicado avança que para a concretização deste desiderato, coloca a sua acção político-partidária para o ano que começa sob o signo “da cidadania, da alternância e do desenvolvimento”.

No comunicado, esta força política reafirma, por outro lado, a sua “determinação de tudo fazer para ver efectivada a reforma das instituições do Estado, de forma a se evitarem erros cometidos que têm como consequência a inédita crise que assola as famílias”, sobretudo as mais carenciadas, apelando ao diálogo com o Governo, sem excluir outros actores.

No comunicado, o Secretariado Executivo do Comité Permanente da Comissão Política (CPCP) apela aos militantes e quadros do partido a cerrarem fileiras em torno do presidente Adalberto Costa Júnior, ale
gando que, com a sua liderança “os angolanos estão decididos a protagonizar mudanças qualitativas na governação de Angola e dos angolanos”.