Editorial: Previsão do tempo

Sessenta milhões de dólares é o valor que o Instituto Nacional de Meteorologia e geofísica (INAMET) prevê gastar na primeira fase da sua modernização e transformação, em curso há mais de um ano, anunciou o ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, José carvalho da rocha.

Esta mensagem foi passada ao vice-presidente da república, que ontem visitou a instituição. o INAMET é dos institutos mais esquecidos do país, talvez porque quem manda acredite mais no poder dos sobas de travar ou trazer a chuva do que na ciência. E, em quanto é que a nossa economia e a nossa produtividade não fi ca m afectadas apenas porque os angolanos não estão educados a ter a previsão do tempo como elemento essencial dos seus planos?

error: Content is protected !!