CARTA DO LEITOR: Será que o árbitro é intimidável?

Caro director, caros jornalistas do jornal OPAÍS, Mas assim é como que só agora é que o país todo acha que a engenheira Isabel dos Santos andou a roubar o país? Isto é mesmo possível?

O mais triste no meu país é ver a PGR ainda comentar e dar importância aos documentos que foram publicados lá fora. Mas assim a PGR e os serviços de segurança andaram onde que não viram que ela estava a roubar?

Lembro-me que alguns cidadãos foram se queixar ao tribunal sobre a nomeação de Isabel dos Santos para a Sonangol, o tribunal não viu crime, então agora estão a falar como se ela se tivesse nomeado sozinha. E também é muito mau muitas pessoas agora estarem a atirar pedras sem pensar primeiro. Querem se mostrar ao Governo como antigamente, então o nosso país não vai mudar. Também, com este clima  todo, duvido que a PGR e os tribunais estejam mesmo em condições de agir de forma isenta a toda à prova, à prova de bala, como se diz. Porque não há serenidade no país.

Eu não sei se ela é culpada ou não, só tenho receio que a justiça esteja já inclinada, é como um árbitro num jogo em que oitenta por cento da bancada tem adeptos de uma das equipas e são todos karatecas. Vamos todos esperar com calma, e devemos todos saber que estes processos demoram muito tempo.

Carlos Andrade Sumbe

error: Content is protected !!