Petro de Luanda diz adeus à Liga dos Campeões

depois do empate (2-2) ontem frente ao Mamelodi Sundowns da África do Sul no Estádio 11 de Novembro, os tricolores já têm hipóteses, na última jornada, de carimbar o passe aos quartos-de-final da Champions

Num jogo marcado pela intensa chuva que se abateu no bairro da Camama, o Petro de Luanda foi ontem eliminado da Liga dos Campeões, após empatar (2-2) frente ao Mamelodi Sundowns da África do Sul, em jogo referente à quinta e penúltima jornada do grupo C. Os tricolores somam três pontos na terceira posição, ao passo que os sul-africanos, já qualificados, ocupam o segundo lugar com nove. Na próxima ronda, onde a equipa do Catetão vai cumprir calendário vai visitar o USM da Argélia. No “tapete verde” do Estádio 11 de Novembro, os tricolores entraram fortes e foram os primeiros a ameaçar a baliza adversária à guarda de Onyango. Aos 15 minutos, Jacques Tuyisenge frente a frente com o guardaredes sul-africano, teve tudo para inaugurar o marcador, mas o nervosismo falou mais alto.

Os sul-africanos adiantaram-se no placar aos 23 minutos por intermédio de Rodríguez na marcação de uma grande penalidade. Depois do golo sofrido, os pupilos de Toni Cosano não baixaram os braços e aos 41’ Job restabeleceu a igualdade também na marcação de uma grande penalidade. Aos 65 minutos, Jacques Tuyisenge colocou o Petro de Luanda em vantagem depois de um apagão defensivo dos visitantes. Mas, aos 90+1’, o Petro de Luanda não teve capacidade para defender o resultado e sofreu o golo do empate por intermédio de Madisha.

Voz dos treinadores Reagindo à derrota em conferência de imprensa, o treinador do Petro de Luanda, Toni Cosano, lamentou a derrota, mas felicitou o adversário. Toni Cosano fez saber que a sua equipa cometeu muitos erros defensivos, mas revelou que acertou nas substituições. “O sentimento é de tristeza, até porque o apuramento já estava comprometido. Cometemos erros, mas não acho que houve falha nas substituições”, disse. Por sua vez, o treinador do Mamelodi Sundowns, Pitso Mosimane, mostrou-se surpreendido com a postura do Petro de Luanda. O treinador disse que os donos de casa apresentaram-se mais competitivo comparativamente ao jogo da primeira jornada.

error: Content is protected !!