Voltaram a atacar

Voltaram a atacar

Não se pode dizer que o crime alguma vez tivesse cessado, sobretudo em Luanda, mas os mais espectaculares e ousados tinham dado uma pausa, coo diz o povo. Depois dos assaltos a pessoas que saíam de dependências bancárias no fi m do ano passado, as medidas . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta