Petro perde pontos na cidade do Dundo frente ao Sagrada

na abertura da 19ª jornada do Girabola, os tricolores perderam a oportunidade de reassumir a liderança da prova ao empatarem sem golos com a formação da Lunda-Norte. Deste modo, mantém-se no segundo posto com 37 pontos, menos um que o 1º de Agosto, líder da prova

O Petro de Luanda perdeu ontem a oportunidade de voltar à liderança do Girabola, Campeonato Nacional de futebol. Na abertura da 19ª jornada, os tricolores foram travados na cidade do Dundo, na província da Lunda-Norte, pelo Sagrada Esperança. As duas formações empataram sem golos, numa partida em que os donos de casa foram superiores em vários domínios.

A formação de Luanda não teve argumentos, aliás os lundas fecharam as linhas de passe do adversário. Isto fez com que os tricolores perdessem a qualidade do seu jogo, facto que permitiu os lundas subirem no terreno e criar dificuldades no reduto defensivo do adversário do Catetão. Antes do árbitro mandar todo o mundo para os balneários, os lundas chegaram várias vezes à baliza dos petrolíferos. Mas, sem sucesso, porque pecavam na finalização.

Os avançados do Sagrada Esperança, na “cara do golo” perdiam sempre a pontaria. No reatamento da partida, os dois técnicos, Roque Sapiri e Toni Cosano, fizeram algumas alterações. Ainda assim, as duas equipas mostravam-se apáticas e não chegavam à zona do golo no Estádio do Dundo. Com este resultado, o Petro mantém-se na segunda posição com 37 pontos, menos um que o líder, o 1º de Agosto, campeão nacional. Na próxima jornada, o emblema de Luanda recebe o Ferrovia do Huambo, no Estádio 11 de Novembro.

error: Content is protected !!