Angola reforça prevenção contra tráfico de pessoas

Angola continua a fortalecer e a estabelecer parcerias com organismos internacionais, para aumentar a consciência pública na identificação de sinais que podem evidenciar casos de tráfico de pessoas, reafirmou ontem a secretária de Estado para os Direitos Humanos e Cidadania, Ana Celeste Januário

A secretária de Estado, que falava na abertura de uma acção formativa sobre “Combate ao Tráfico de Seres Humanos”, enfatizou a necessidade da realização de campanhas na rádio, televisão e redes sociais, com a disseminação de materiais informativos. A responsável falou da campanha internacional “Coração Azul”, já em curso no país, e da aprovação, na última Sexta-feira, do Plano Nacional de Acção de Prevenção e Combate de tráfico de Seres Humanos.

Referiu que o engajamento do Estado angolano tem sido cada vez mais evidente, tendo em conta o número de casos que têm sido divulgados e registados. A título de exemplo, até ao ano transacto foram registados 80 casos, dos quais 20 já se encontram em tribunal.

Dado o aumento de casos, disse que o Governo tem estado a adoptar medidas institucionais, para garantir a protecção das vítimas e prevenção de novos casos de tráfico de seres humanos. A par das iniciativas do Executivo, informou que a Assembleia Nacional tem desempenhando um papel fundamental neste processo, com a aprovação da legislação para combater este fenómeno. Falou da necessidade de treinamento dos efectivos das forças de segurança, magistrado judiciais e do ministério publico, funcionários e oficiais de justiça, para fazer face a esse mal.

error: Content is protected !!