Balada, hip hop, “twist” e irreverência invadem Elvas

As votações decorreram de acordo com o sistema 50/50, com o público e os jurados a repartire m o “peso” do voto. Os finalistas foram revelados por ordem aleatória, sem votação

Foram apuradas, no Sábado à noite, as primeiras quatro canções finalistas do Festival da Canção da RTP. Destaques para os temas de dança, hip hop, balada e um artista a fazer lembrar Conan Osiris pela irreverência demonstrada em palco A 54ª edição do Festival da Canção, cuja final se vai realizar em Évora, a 7 de Março, no Coliseu Comendador José Rondão de Almeida, já tem os primeiros quatro finalistas, apurados na noite de Sábado, 22, de um lote de oito. Barbara Tinoco com “Passe Partout”, Elisa e o seu “Medo de Sentir”, Filipe Sambado com “Gerbera Amarela do Sul” e Throes+The Shine com “Movimento” são os primeiros quatro vencedores da primeira semi-final disputada nos estúdios da RTP, em Lisboa, e apresentada por Tânia Ribas de Oliveira e Jorge Gabriel.

De fora ficaram “Copo de gin” (Meera), “O dia de amanhã” (Gabriel Mucznik), “Rebellion” (Blasted Mechanism) e “Agora” (JJaZZ). As votações decorreram de acordo com o sistema 50/50, com o público e os jurados a epartirem o “peso” do voto. Os finalistas foram revelados por ordem aleatória, sem votação. E um dado curioso: a maioria das canções foi cantada em português. Com Bárbara Tinoco, Portugal pode dançar com um pouco de “twist”, os Throes+The Shine trouxeram “hip hop”, Elisa cantou a balada da noite e Filipe Sambado trouxe de volta a irreverência de Conan Osiris, numa música de intervenção com um visual a fazer lembrar o vencedor do ano passado e agora jurado. “Estou muito feliz e agora vou ter menos tempo para fazer mais coisas”, brincou Sambado no final.

“Mantivemos a nossa música sem concessões”, congratularamse os Throws+The Shine. “Entrei muito nervosa mas agora estou muito satisfeita”, sublinhou Barbara Tinoco, enquanto Elisa estava radiante: “Quero que as pessoas fiquem com os sentimentos que a minha música transporta e que se identifiquem com ela”. No próximo Sábado, dia 29, decorrerá a segunda semi-final com vista a apurar os restantes finalistas: Dubio feat. +351, Luiz Caracol & Gus Liberdade, Judas, Kady, Elisa Rodrigues, Cláudio Frank, Tomás Luzia e Jimmy P. Dos oito concorrentes, só um viajará para Roterdão, na Holanda, em Maio, para o 65.º festival da Eurovisão. Um dos momentos altos da noite deste Sábado foi a homenagem da RTP ao canta-autor José Mário Branco (aplaudido de pé), que participou no evento na edição de 1975 com o tema “Alerta”. Isaura, uma das mais recentes vencedoras do evento, recebeu um aplauso solidário, por ter sido tornado público que está a lutar contra um cancro da mama.

error: Content is protected !!