Garimpeiros atacam mineradora de rubis, Gemfields, em Moçambique, ferindo quatro

Mineradores artesanais queimaram um carro pertencente à operação da mineradora Gemfields, em Moçambique, no Sábado, e atacaram os ocupantes com picaretas, ferindo três funcionários e um contratado de segurança, informou a empresa

A Gemfields possui 75% da Montepuez Ruby Mining (MRM), que opera no Norte de Moçambique. A mina, considerada o maior depósito de rubis do mundo, está localizada numa região repleta de crimes, mineração ilegal e que abriga uma insurgência islâmica nascente.

O ataque segue-se a um incidente no início de Fevereiro, quando 800 mineiros artesanais invadiram um poço pertencente à MRM, 11 dos quais morreram quando partes do poço desabaram. “A MRM observou um aumento dramático e coordenado no número de mineradoras artesanais que entram na concessão da MRM, incluindo mulheres e crianças”, afirmou o comunicado da empresa enviado à Reuters na Segunda-feira.

error: Content is protected !!