Reestruturação de empresas dos transportes é prioridade para o sector

O ministro dos Transportes, ricardo de Abreu, apontou, ontem, 28, como prioridade do sector que dirige, para os próximos tempos, a reestruturação e modernização do sistema de transportes e logística

Ao falar na abertura do seminário sobre “O impacto da ética, sustentabilidade e compliance no sector dos transportes em Angola”, referiu que esta organização deve ser feita em coordenação com os demais ministérios que integram o Executivo. “Quando falamos em alinhamento da temática à acção do nosso Governo, entendemos que para que a diversificação da economia e o asseguramento da estabilidade macroeconómica ocorra, o sector dos transportes é um dos segmentos com que o país deve contar, daí a necessidade das sinergias”, disse.

No subsector ferroviário, referiu estar em consolidação o modelo que irá permitir a atracção e participação do sector privado, contemplando o investimento público já realizado nas infraestruturas e meios. Em relação ao subsector aéreo, está em curso o processo de regulação efectiva e de segurança em todo o país, com a criação dos institutos reguladores, como a ANAC, ANIPAA, SGA e ENNA.

Em relação à transportadora aérea nacional, TAAG, o governante informou a pretensão de a transformar em sociedade comercial, retirando os impedimentos para a sua maior credibilidade e sustentabilidade, de modo a atrair investimentos privados. No segmento marítimo portuário, a prioridade é aumentar a capacidade institucional e de coordenação multidisciplinar à luz do paradigma internacional, tirando maior partido marítimo e marinho, bem como a construção e reabilitação de infra-estrutura de apoio.

error: Content is protected !!