Editorial: Dignidade à justiça

Jornal OPaís edição 1766 de 04/03/2020

A justiça angolana está a passar por testes de fogo. A procuradoria Geral da Republica vai ganhar algumas batalhas e vai perder outras.O que se espera é não se torne numa fonte de prejuízos monetários e de imagem para o estado.Depois da aparente má comunicação do caso Kangamba, no Huambo, no inicio do julgamento por peculato de antigos membros da governação local, um advogado acusou a PGR de se posto a agir às pressas só apara mostrar que no Huambo também se julga por peculato.Uma espécie de entrada numa moda.Tudo isso, ficará apenas resolvido no fim de cada processo, mas o importante é que se faca justiça,Não se espere que a PGR ganhe sempre, mas que seja o mais profissional e competente possível.que dignifique a justiça e o estado.

error: Content is protected !!