Huawei convidada para formação e reforma tecnológica à imprensa pública

Na Quarta-feira, o Ministério da Comunicação Social (M.C.S.) revelou interesse em estabelecer parcerias com a empresa chinesa Huawei para o fornecimento de equipamento tecnológico a esta entidade estatal e aos órgãos de comunicação social públicos, bem como dar formações aos funcionários

Visando acordos que possibilitem expandir a empresa chinesa Huawei em Angola, Hongzhen Liu, vice-presidente desta, foi recebido pelo ministro da comunicação social, Nuno Albino, que reconheceu ser bem-vinda a intervenção da companhia líder de mercado.

Dada a experiência e reputação da multinacional que gerou cerca de oito centenas de empregos em Angola, dando formação a mil pessoas, capacitando-as no manuseamento de tecnologias de informação, o ministério almeja uma “cooperação institucional”.

No encontro ocorrido há dois dias na sede ministerial, Hongzhen Liu deixou patente que, para a empresa Huawei, que trabalha em Angola há 20 anos, formar “talentos na área digital” será prioritário.

Para além da substituição dos equipamentos usados, o ministro solicitou também o auxílio nos “programas infantis dos órgãos de comunicação social públicos, no âmbito da responsabilidade social”.

error: Content is protected !!