Governo capacita quadros em projectos de saneamento básico

Mais de 50 quadros das administrações municipais do Cuando Cubango, Huambo e Bié estão desde ontem, Terça-feira, na cidade do Cuito, capital biena, a participar num seminário de capacitação sobre Elaboração dos Projectos do Saneamento à luz do Programa Integrado de Intervenção Municipal (PIIM), segundo a Angop.

Lançado em Junho de 2019 pelo Presidente João Lourenço, o PIIM, a ser implementado nos 164 municípios do país, tem como prioridades os sectores da energia e água, educação, saúde, saneamento básico e construção de vias. De acordo com a agência de notícias, durante dois dias, os responsáveis vão aprender a elaboração de projectos com base na realidade de cada região, dentro do PIIM, visando melhorar o saneamento básico nas respectivas províncias.

Na ocasião, o director do Gabinete Jurídico da Agência Nacional de Resíduos do Ministério do Ambiente, José Pascoal, afirmou que o Governo pretende também estimular os quadros das Administrações Municipais para criarem projectos sustentáveis referentes ao saneamento básico. Por sua vez, o vice-governador para o sector técnico e infra- estruturas da província do Bié, José Fernando Tchatuvela, depois de enaltecer o gesto do Ministério do Ambiente, assegurou que as autoridades locais vão dar seguimento ao programa de formação. José Fernando Tchatuvela destacou a necessidade dos formandos aproveitarem os conhecimentos para permitir a sua aplicabilidade.

Recolha de lixo no Bié

Entretanto, o director do Ambiente, Gestão de Resíduos e Serviços Comunitários desta parcela do país, Jonatão Ferramenta Cassapi, disse à Angop que, para os nove municípios do Bié, o Governo conta com um bilhão 924 milhões de Kwanzas. Jonatão Ferramenta Cassapi adiantou que este montante vai permitir que a província, eleita em 2019 como a quinta mais limpa de Angola, eleve ainda mais os níveis de saneamento para atingir a excelência em relação à qualidade de vida nas comunidades urbanas e rurais. Lembrou que em 2019 foram recolhidos 82 mil 732 metros cúbicos de resíduos sólidos, sem comparar em relação ao ano de 2018. A província do Bié, centro de Angola, conta com perto de dois milhões de habitantes, distribuídos pelos municípios do Cuito, Andulo, Catabola, Cunhinga, Chinguar, Chitembo, Camacupa e Nhârea.

error: Content is protected !!