Covid-19 força Tribunal Supremo a adiar julgamento do Caso 500 milhões

O Tribunal Supremo adiou, sem data prevista, a audiência de julgamento do Caso 500 milhões de dólares que estava prevista para amanhã, segundo apurou OPAIS.

Os advogados e magistrados do Ministério Público foram hoje informados pelos técnicos do cartório da Câmara de Crimes Comuns do Tribunal Supremo da decisão do juiz-presidente da causa, João da Cruz Pitra.

Notícia em actualização.

error: Content is protected !!