Coronavirus limita celebrações dos 18 anos de paz

Em função do estado de emergência que o país vive, o acto central de hoje, em Luanda, vai circunscrever- se na deposição de uma coroa de flores no túmulo do saldado desconhecido, posteriormente seguido de uma comunicação oficial do Governo que será lida pela ministra de Estado para a Aréa Social, Carolina Cerqueira As medidas de prevenção e de combate ao Coronavírus, em curso no país, limitaram as celebrações dos 18 anos de paz que estão a ser assinalados hoje. No entanto, ao contrário dos anos anteriores, para hoje estão canceladas todas as actividades de massas que visam celebrar o alcance da paz efectiva no dia 4 de Abril de 2002. Em nota, o ministério da Administração do Território e Reforma do Estado (MATRE) deu a conhecer que o acto central, que, inicialmente, estava previsto para a província do Namibe, foi transferido para Luanda, em cerimónia encabeçada pela ministra de Estado para a Aréa Social, Carolina Cerqueira. Também noutras províncias o formato das celebrações seguirá o mesmo padrão, com os governadores locais a presidirem cerimónias simbólicas que não reunam algomerações de pessoas, de forma a prevenir a transmisssão e a expansão do novo Coronavirus.

error: Content is protected !!