Covid-19: Cruz Vermelha sensibiliza população

Colaboradores da Cruz Vermelha de Angola(CVA) intensificaram hoje, segunda-feira, nas províncias do Cuanza Sul e Cunene, as campanhas de sensibilização das populações sobre a prevenção do coronavírus(covid-19).

Na cidade do Sumbe, Cuanza Sul, cinquenta colaboradores da CVA incidem a sua campanha nos mercados, paragens de transportes públicos, ATM, estabelecimentos comerciais e bairros periféricos da urbe, onde explicam os sintomas do coronavírus e as formas de prevenção.

No entanto, o coordenador da Cruz Vermelha de Angola na província, Rui Manuel Tomás, lamenta e repudia o comportamento de alguns cidadãos que teimam em circular pelas ruas sem necessidades plausíveis, desobedecendo as orientações do Estado.

No Cunene, mais concrectamente no município de Cuanhama, vinte activistas da CVA desdobram-se em acções de sensibilização junto da população em zonas rurais para cumprimento das medidas preventivas do coronavírus (Covid-19).

A nível das zonas rurais das cinco comunas do município, à população está ser sensibilizada na língua local Oshikwanhama, para observâncias das medidas preventivas primárias como a lavagem das mãos com água e sabão azul constantemente, não aperto de mão, beijo e aglomeração de pessoas.

A secretaria provincial da CVA no Cunene, Regina Francisco, disse que a par das medidas preventivas nessa acção os munícipes nas zonas rurais são informados da importância de ficarem em casa no quadro do cumprimento do Estado de Emergência que vigora no país.

Angola cumpre o Estado de Emergência, decretado pelo Presidente da República, João Lourenço, desde o dia 27 de Março último, devido ao novo coronavírus (covid-19) que assola o mundo e o país, que até hoje contabiliza 14 casos positivos, duas mortes  e duas recuperaçõe

Angop

error: Content is protected !!