Angola sem registos de novos casos de Covid-19 nos últimos cinco dias

O país não regista novos casos de pessoas infectadas com a Covid-19, nos últimos cinco dias, mantendo-se assim, os 19 casos infectados, dos quais dois resultaram em óbitos e quatro estão recuperados, revelou ontem, em Luanda, o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda

Por:Maria Teixeira

Na apresentação diária do balanço da situação epidemiológica do país, o governante fez saber que não houve alteração nos dados, nas últimas 24 horas. O país continua com os 19 casos confirmado, dos quais 13 pacientes activos estão distribuídos a nível das unidades sanitárias de referência. Entretanto, a província acometida continua a ser Luanda, sendo que Talatona, Belas, Maianga, Ingombota, Samba, Viana e Kilamba Kiaxi são as localidades onde estão situados os 19 casos posititivos confirmados no país, e as nacionalidades continuam a ser angolana e sul-africano. Neste momento, a faixa etária vai de um ano a 62 anos de idade, havendo maior predominância do sexo masculino com 13 casos, contra seis do sexo feminino. Por outro lado, o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) não registou, nas últimas 24 horas anteriores, nenhuma denúncia de violações de quarentena domiciliar. No entanto, registaram dois alertas foram reportados, um investigado e seguido em investigação, mas descartado por não reunir os critérios de definição de caso suspeito da Covid-19.

No tange a quarentena, Franco Mufinda fez saber que houve aumento sendo que foram registados casos de 1.000 pessoas expostas que estão a observar a quarentena na sua generalidade, tanto institucional como domiciliar. Entretanto, 111 pessoas tiveram as suas altas. País contínua com 365 casos suspeitos de Covid-19 O secretário de Estado para a Saúde Pública contou que em termos de laboratório, o Instituto de Investigação em Ciências da Saúde processou, até ao momento 1.182 amostras, e estão em processamento seis amostras, cujos resultados serão conhecidos hoje. “Quanto aos casos suspeitos, continuamos com 365 e os seguidos a volta dos 19 casos confirmados, estão 696 pessoas”, detalhou o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda.

error: Content is protected !!