Donald Trump suspende contribuição americana para a OMS

O presidente Donald Trump passou das palavras à acção: suspendeu o financiamento para a Organização Mundial de Saúde (OMS) enquanto a sua administração revê o seu relacionamento e financiamento da organização da ONU. Trump disse que a revisão vai analisar o papel da OMS “em administrar gravemente mal e encobrir a disseminação do coronavírus”. O presidente acusou a OMS de dar maus conselhos, de ser “ China-cêntrico” e até mesmo de reter informações. A decisão ocorre quando o mundo combate a pior pandemia em décadas Os Estados Unidos financiam entre 400 milhões a 500 milhões de dólares a OMS a cada ano, disse Trump, observando que a China “contribui com cerca de 40 milhões” uma quantidade insignificante se atendermos ao tamanho da sua economia. Segundo o “The Guardian” os Estados Unidos devem neste momento cerca de 200 milhões de dólares em contribuições. Washington está longe de fornecer a maioria dos fundos da OMS, como afirmou Trump, e suas contribuições voluntárias estão amplamente ligadas a projetos específicos. O orçamento anual total da OMS é de cerca de 2,5 biliões de dólares e as contribuições dos Estados membros não aumentaram significativamente em três décadas.

 

 

 Fonte: VOA

leave a reply