Experiência “Live” do Show do Mês agrada confinados

Com intuito de cumprirem-se as medidas preventivas de combate à Covid-19, a Nova Energia, através do projecto “Show do Mês”, chegou à casa dos seus espectadores com concerto ao vivo por via das plataformas digitais

Com o mesmo rigor mas em horário diferente do habitual, através dos canais digitais (Facebook, Instagram e Youtube), Sábado 18, os apreciadores do “Show do Mês” sob a chancela da produtora Nova Energia, puderam voltar no tempo ouvindo músicas da decáda de 70 denominada “Angola 70s”.

O responsável da produtora falou a OPAÍS sobre a experiência, tendo reconhecido não ser fácil a adpatção, mas o motivo principal foi cumprido uma vez que pretendia-se “matar saudades” dos showistas, bem como tornar menos pesado essa fase de confinamento social. “De forma alguma seja a mesma coisa, temos a diferença de termos o público, pô-los sentados e ter o controlo da sala. Pela via das plataformas, não, aí o show arranca mesmo sem público e aqui só quando a emissão está no ar.

E com o consumo de Internet que se regista no país, existirão, obviamente problemas técnicos”, apontou. Yuri Simão questionado sobre quantos acessos foram registados, o responsável disse que ainda não tinha o número preciso, mas pelo feedback que tiveram ao vivo muita gente terá visualizado. Entretanto, OPAÍS verificou na página só do Youtube, 4597 visualizações. Por outro lado, o responsável agradeceu aos parceiros do projecto Show do Mês bem como aos músicos, que não cobraram valor algum para animar o concerto, entre instrumentistas e vocalistas, que potenciaram uma viagem a década 70 com ritmos nacionais.

Conversa

Esta epoca (anos 70), considerada doirada da música angolana, teve uma particular atenção. Além da música, houve uma conversa sob o comando de Kizua Gourgel, com Dikambu, Jair Rangel e Maneco Vieira Dias, que abordou sobre a temática.

Músicas Na sequência, depois da amenaconversa e ter ouvido na voz de Mister Kim os temas “Undengue Uami”, “Candinha” de David Zé e “Belita” de Artur Adriano, puderam-se ainda ouvir na condução de Legalize, “Belina” e tantas outras que podem voltar a ser vistas e ouvidas nas várias plataformas digitais.

Próximo show

Se eventualmente o quadro sanitário da pandemia Covid-19 não for alterado até ao mês de Maio, muito provavelmente os showistas poderão voltar a ter mais um show live, como garantiu o mentor da iniciativa, sem no entanto indicar quem será o cabeça de cartaz.

leave a reply