“Não podemos colocar de parte o professor do ensino particular”

“Não podemos colocar de parte o professor do ensino particular”

O presidente da comissão instaladora da Associação Nacional dos Professores do Ensino Particular, Carlos da Conceição, repudia os pais e encarregados de educação que se recusam a pagar até 60% da propina enquanto durar o estado de emergência, pois considera esta atitude uma desvalorização . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta