Desportistas na Lunda-sul violam estado de emergência

O director provincial da Saúde da Lunda-Sul, Viegas de Almeida, disse, ontem, à imprensa local, que os desportistas da província não estão a cumprirem com o confinamento social para combater a propagação do novo Coronavírus “Covid-19”, pandemia que está assolar o mundo.

O responsável revelou que é importante continuar a sensibilizar a juventude para acatar as medidas de prevenção que as autoridades sanitárias estão a orientar, porque o contrário será difícil controlar a doença. “Os desportistas devem saber que são permitidos apenas exercícios físicos no período matinal e nocturno (com horários definidos) para manter a manutenção do organismo em actividade”, lembrou. Viegas de Almeida reiterou que os amantes do desporto, em particular do rei futebol, devem saber que as actividades de lazer não devem aglomerar mais de 50 pessoas.

“Em alguns bairros onde encontramos a concretização de jovens tivemos algum sucesso, porém nos outros será necessário tomar medidas com a intervenção da Polícia Nacional. Assim, vão entender a gravidade da situação”, avançou.

O estado de emergência que está em vigor foi decretado pelo Presidente da República, João Lourenço, a 26 de Abril e termina no dia 10 do corrente mês. Entretanto, os vários casos positivos de contaminação local poderá forçar a prorrogação para mais 15 dias. Até ao fecho desta edição, Angola registava 36 casos positivos de Coronavírus, Covid-19, doença que ainda não tem vacina, entre os quais 11 recuperados, dois mortos e 22 activos.

error: Content is protected !!