COVID-19: Terceira morte, primeira enfermeira infectada e transmissão comunitária “à porta” em Angola

Angola regista, nas últimas 24 horas, mais uma morte por COVID-19 e a primeira infecção de uma enfermeira, avançou o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, no CIAM.

A morte é referente a um cidadão de 82 anos, que já carregava consigo uma infecção pulmonar obstrutiva crônica. O seu quadro de contaminação epidemiológica está por se confirmar pelas autoridades sanitárias, o que vai determinar ou não que Angola tem caso de transmissão comunitária.

Quanto ao segundo caso, trata-se de uma enfermeira, de 25 anos, que actuava num dos centros de tratamento da COVID no país, o que se traduz num caso de transmissão local.

Assim, Angola passa a contar com 50 casos confirmados, dos quais 3 óbitos, 17 casos recuperados e 30 activos, clinicamente estáveis.

Em actualização…

leave a reply