Nigerianos detidos por roubo de acessórios de viatura

Uma operação conjunta entre a Polícia Nacional e o Serviço de Investigação Criminal, em Luanda, no âmbito do plano estratégico de combate aos crimes violentos, culminou com a detenção de três cidadãos de nacionalidade nigeriana, acusados de estarem envolvidos em roubos de assessórios de viaturas. Com eles, foram apreendidas mais de 600 placas eletrónicas de automóveis.

Os nigerianos foram detidos numa operação realizada nos dias 13 e 18 do corrente, mediante mandado de detenção, com um total 685 placas electrónicas de diversos veículos, com realce para os de marca Toyota e Hyundai.

Segundo Fernando Carvalho, porta-voz do SIC-Luanda, as placas eram, depois de roubadas, comercializadas no mercado informal, sendo o mercado dos Correios o que mais absorvia aqueles artigos, tendo o SIC apreendido, só naquele mercado, um total de 430 placas.

Outra parte da mercadoria foi apreendida no bairro 28 de Agosto e no Golf I, no município do Kilamba Kiaxi, facto que faz com que o SIC aconselhe a todos os detentores de veículos a colocar neles alarmes, de forma a alertar a vizinhança em caso de roubo.

Os nigerianos são tidos como os mandantes do crime, pois, segundo o SIC, foi através de um dos elementos do grupo anteriormente detido que conseguiram apanhar os três mandantes. “É um crime não habitual entre os angolanos, por isso os mandantes nigerianos. As placas são comercializadas a preços que variam entre Kz 170 e 200 mil”, disse Fernando Carvalho.

error: Content is protected !!