Apesar de ameaças dos EUA, 1° petroleiro iraniano entra em águas venezuelanas sob escolta

Navio-tanque iraniano Fortune entrou em águas da Zona Económica Exclusiva da Venezuela, ontem (23), enquanto outras quatro embarcações iranianas são esperadas por Caracas

Enquanto os EUA ameaçavam impedir o transporte de petróleo do Irão para a Venezuela, o primeiro de um total de cinco navios-tanque enviados por Teerão entrou na Zona Económica Exclusiva do país latino-americano.

A entrada teria se dado às 20h40 de ontem (23) após o navio ter passado pelo norte de Trinidad e Tobago, segundo dados do serviço de rastreamento de navios Refinitiv Eikon, publicou a Reuters.

A informação foi confirmada pelo ministro do Petróleo venezuelano, Tareck El Aissami no seu Twitter.

Os navios da [nossa] irmã República Islâmica do Irão já se encontram na nossa Zona Económica Exclusiva, como diria nosso amado comandante Chávez, “A Venezuela azul”, acompanhados pela nossa Armada Bolivariana como símbolo da irmandade e da força da nossa união

Além do Fortune, os petroleiros Fores, Petunia, Fazon e Clavel também são esperados pelo país. As cinco embarcações levam um total de 1,53 milhão de barris de gasolina e hidrocarbonetos para o país.

A chegada dos quatro navios-tanque restantes deverá ocorrer nos próximos dias.

Escolta

Pouco antes da entrada do Fortune na ZEE da Venezuela, a Marinha venezuelana destacou um efectivo para assegurar o trânsito do navio-tanque.

“Patrulheiros da nossa Armada Bolivariana partiram ao encontro do primeiro petroleiro do Irão, que deve entrar por volta das 19h00 de Caracas nas águas territoriais venezuelanas. Outros quatro petroleiros chegarão nos próximos dias.

Caracas decidiu pela escolta após o governo americano ameaçar impedir a navegação dos navios iranianos em direcção à Venezuela.

error: Content is protected !!