Editorial: Tudo nas mãos de cada um

Jornal OPaís edição 1848 de 25/05/2020

É tão desconhecido o novo Coronavírus quanto o futuro imediato que Angola pretende trilhar, iniciando o seu processo de desconfinamento, passando do estado de emergência para o de calamidade.

Aqui, o que conta é mais a consciência do cidadão do que propriamente a capacidade do Estado de fazer cumprir as medidas novas que se avizinham.

Mas, por outro lado, há a realidade objectiva, que soma à pobreza espiritual e moral a pobreza material. Vai ser difícil para muitas empresas oferecer o mínimo de equipamento ou produtos de bio-segurança.

O país vai mergulhar numa realidade, na forma de lidar com vírus, que pode até correr bem, mas também pode despoletar uma explosão de casos positivos e de mortes.

Mas há no desconhecido também um quê de esperança, ou de fé, pode ser que a estirpe do vírus que cá chegou não seja “muito mortal”.

Pode até ser que tudo corra bem, mas mesmo para isso há uma única via, chamada de cuidado pessoal.

Está nas mãos de cada um.

error: Content is protected !!