Editorial: Ainda assim, assustador

Cerca de 146 mortes por acidente de viação foram registadas pelas forças de defesa e segurança no país durante o estado de emergência, que vigorou entre 27 de Março e 25 de Maio. A Angop intitula esta matéria com “Mortes por acidentes caíram em 50 por cento”, comparando com os 60 dias anteriores ao estado de emergência. Estes dados foram avançados pelo porta-voz do Ministério do Interior, Waldermar José.

Alguma coisa está muito mal neste país, quando em pleno período de confinamento, com proibição de circulação, as mortes por acidente de viação baixam apenas em metade. Há muita coisa para rever, do comportamento dos cidadãos e da actuação das autoridades. E se as deslocações eram apernas as imprescindíveis, então há que rever também o estado das vias.

error: Content is protected !!