Cuanza-Norte investiga seis casos suspeitos de Covid-19

O secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, revelou, ontem, em Luanda, que as autoridades sanitárias do Cuanza- Norte têm sob investigação seis casos suspeitos de Covid-19, localizados no município do Cazengo. Prestou essa informação, num momento em que o número de pessoas infectadas com o novo Coronavírus em Angola mantém-se inalterado nos últimos três dias

O governante fez saber, na apresentação diária do balanço da situação epidemiológica do país, que Angola continua com 86 casos confirmados, dos quais 64 pacientes activos, sendo que um deles requer atenção especial. Estão internados em unidades sanitárias de referência.

Em declarações à imprensa, no Centro de Imprensa Aníbal de Melo, Franco Mufinda esclareceu que dos 86 casos confirmados, 57 são de transmissão local, quatro resultaram em óbito e 18 recuperaram.

Quanto aos casos suspeitos, disse haver um acumulado de 456 e que em quarentena institucional se encontram 1.049 pessoas controladas. Entretanto, nas últimas 24 horas, oito pessoas receberam alta, sendo três por província na Lunda-Norte e Zaire e duas no Cuando Cubango.

Sobre aqueles que integram o leque de contactos sob investigação, Franco Mufinda disse que são, neste momento, 1.160 pessoas controladas.

O secretário de Estado para a Saúde Pública esclareceu que no que concerne à actividade laboratorial há, até esta data, um acumulado de 10.807 amostras colhidas, das quais 86 foram positivas, 10.083 negativos e o resto encontra-se em processamento.

Por outro lado, disse que o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) não recebeu no período em referência denúncia de casos suspeitos de Covid-19. No entanto, registou 37 chamadas para pedidos de informação sobre o vírus.

O governante informou que a nível das províncias, em Benguela se realizou palestras de sensibilização da população, em todas as unidades sanitárias do município do Cubal, sobre as medidas de prevenção da Covid-19. A desinfecção das instituições públicas do município de Benguela e a busca activa de casos no hospital municipal da Ganda também foram alguns dos temas abordados.

A província do Bié realizou sensibilização da população sobre a Covid-19.

Já as autoridades sanitárias na província da Lunda-Norte realizaram a capacitação de técnicos de saúde sobre as medidas de prevenção da Covid-19, em que a desinfecção do centro de quarentena e de espaços públicos foram alguns dos temas dominantes.

“Enfim, a província do Zaire nos informou a capacitação dos técnicos de saúde sobre as medidas de prevenção da Covid-19, a desinfecção também, de alguns locais, e actividades levadas a cabo no município de Mbanza Congo”, contou.

Doentes que fazem hemodiálise na Multiperfil em seguimento

A garantia é do secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, que informou que, apesar da Clínica Multiperfil estar sob cerca sanitária, o seguimento do tratamento dos doentes que dependem da hemodiálise nessa clínica continua.

Por outro lado, Franco Mufinda fez saber que continuam as formações em várias temáticas no intuito de elevar cada vez mais o poder cognitivo dos profissionais para se preparem para o enfrentamento da prevenção e combate à Covid-19.

“Continuamos com a distribuição do material de bio-segurança e equipamento hospitalar a nível das províncias”, garantiu.

Entretanto, disse que se está cada vez mais a aprimorar a abordagem psico-social dos doentes que estão infectados com a Covid-19, envolvendo psicólogos de várias áreas para abordar esses pacientes.

O governante apelou o uso da máscara em locais indicados, a observância do distanciamento social, a lavagem das mãos frequentemente com água e sabão e, sobretudo o acatamento das medidas contidas no decreto sobre o estado de calamidade pública.

De recordar que o novo Coronavírus (SARS-CoV), responsável pela pandemia da Covid-19, surgiu na China em Dezembro de 2019. O surto espalhou-se pelo mundo e já vitimou centenas de milhares de pessoas, tendo levado a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia global.

error: Content is protected !!