Editorial: Proteger tartarugas importa?

Editorial: Proteger tartarugas importa?

Há perguntas que já não deveriam ser feitas, mas o mundo as impõe, para nos lembrar das nossas responsabilidades como seres humanos, do impacto das nossas acções no ambiente e, afinal, na nossa própria vida. E não se trata de descuido, é um nível de inconsciência que tarda a ser ultrapassado. Próprio da natureza humana? Talvez. Ou talvez não.

A verdade é que há equilíbrios a preservar, ou a reestabelecer, no que ainda for possível. Milhares de jovens angolanos ganham uma nova consciência, aprendem que o futuro depende daquilo que hoje fizerem, e dão de si para proteger espécies animais e da flora. Querem um país melhor, é como estar a cuidar de um testemunho mesmo antes de o receber. A corrida é pela vida. Sim, importa cuidar das tartarugas, de todos os animais, do ambiente, do futuro. Este tem de importar a todos.