“Não há condições para o retorno das actividades desportivas”

O mestre em saúde pública, Jeremias Agostinho, disse, à Rádio Cinco, que nesta altura não há condições para o retorno das actividades desportivas organizadas por federações e associações, face à propagação do novo Coronavírus, doença que assola o mundo.  

Jeremias Agostinho explicou que o facto de se fazer a testagem para todos os atletas que estarão em actividade é uma logística que faz deste processo impossível.  

“Vamos dar tempo para que as federações possam apresentar capacidade de organização”, disse.  

“É importante que tão logo se identifiquem que não há possibilidade deve ser cortado o retorno das competições federadas”, aconselhou.  

Jeremias Agostinho recordou que é imperioso conservar o maior bem, que é a vida. “O Executivo deu essa possibilidade, vamos aguardar para ver o que as federações vão fazer já que o desporto em Angola não é rentável, ou seja, são actividades que têm outros tipos de apoios. Sabemos que o sector empresarial neste momento está a passar por situação difícil”, alertou. 

error: Content is protected !!