Polícia detido por receber “gasosa” de três mil Kz

Polícia detido por receber “gasosa” de três mil Kz

Uma publicação nas redes sociais dava conta de que um agente da Polícia, efectivo do Cuando Cubango, em serviço no Posto de Controlo do Fio, terá pedido “gasosa”, no valor de três mil Kwanzas, a um taxista, no trajecto Bié – Menongue, no passado 1 de Junho.

Esta denúncia fez com que a Polícia envidasse esforços para identificar tal agente e, por isso, diligências permitiram a sua detenção e de mais dois cidadãos, estes últimos por corrupção passiva.

A polícia confirma, numa nota publicada na sua página oficial do Facebook, que o facto ocorreu, efectivamente, naquele dia, pelas 19 horas, quando este regulador de trânsito, devidamente escalado no Posto de Controlo do Dumbo- Fio (limite com o Bié), na EN- 140, interpelou um cidadão de 33 anos, motorista, em serviço de táxi.

O taxista, com três ocupantes e carga, viu-se obrigado a dar três mil Kwanzas de “gasosa”, que lhe foi exigida, por alegado excesso de carga. “Não havendo corrupção activa sem a passiva, das diligências conducentes foi também detido o motorista, bem como um dos ocupantes que presenciou o facto, ajudou com mil Kwanzas para o pagamento da “gasosa” e postou o assunto nas redes sociais”, lê-se. Por intermédio do Serviço de Investigação Criminal decorre a tramitação que se impõe junto do Ministério Público e o procedimento administrativo ao agente da Polícia.