UE alerta que crise sanitária causada pela Covid-19 ainda não acabou e pede vigilância

UE alerta que crise sanitária causada pela Covid-19 ainda não acabou e pede vigilância

A crise de saúde pública causada pela epidemia de Covid-19 na Europa ainda não acabou, alertou a principal autoridade de Saúde da União Europeia, nesta Sexta-feira, pedindo aos governos que permaneçam vigilantes e avancem com testes e monitoramento da população.

“Isso ainda não ficou para trás. Precisamos estar vigilantes”, disse a comissária da Saúde da União Europeia, Stella Kyriakides, aos ministros da Saúde do bloco numa vídeo-conferência, em meio a temores de uma nova onda de infecções, à medida que os Estados europeus reabrem, gradualmente, comércios e fronteiras, e após recentes protestos em massa.