Mourinho vê “algo de positivo” por jogar em estádios vazios

Por força das restrições decorrentes da pandemia de Covid-19, o futebol regressou a Inglaterra sem público nos estádios, sem o calor dos adeptos nas bancadas. E também sem o ruído. Algo que, para José Mourinho, acaba por ter um lado positivo. Em especial, do ponto de vista do guarda-redes. “Sim. Ele [Hugo Lloris] está numa posição privilegiada, porque agora a comunicação é muito mais fácil.

Tenho a certeza de que o nível de comunicação dele é exactamente o mesmo em todos os jogos, mas costuma ter dificuldades para se fazer ouvir”, notou o treinador português, em conferência de imprensa. “Neste momento, cada palavra que se diz em campo é muito fácil [de ouvir]. Sempre acreditei que um guarda-redes é um bom líder, e um bom capitão.

Independentemente disso, sempre soube que o guarda-redes olha para o jogo numa posição fantástica, para organizar e ser um pouco a extensão do treinador, especialmente na organização defensiva”, referiu, realçando: “Então, se conseguirmos retirar algo de positivo do negativo que é ter um estádio vazio, será a comunicação”.

error: Content is protected !!