Recreativo do Libolo pode resgatar o basquetebol

O novo presidente de direcção do Recreativo do Libolo do Cuanza-Sul, Luís Mariano Carneiro, prometeu à imprensa local resgatar o basquetebol, modalidade que foi extinta, por dificuldades financeiras, há dois anos.

Luís Mariano Carneiro explicou que é pretensão do seu elenco recuperar o basquetebol quando houver melhor possibilidade financeira.

“Não esquecemos a modalidade da bola ao cesto que já conquistou dois campeonatos nacionais, uma Taça de Angola, uma Supertaça e uma Taça dos Clubes Campeões Africanos”, garantiu.

Apesar da província do Cuanza-Sul não ter concorrência no basquetebol, Luís Mariano Carneiro assegurou que a sede da equipa será mesmo em Calulo e não em Luanda como aconteceu no passado.

“A mesma equipa passou para Sport Libolo e Benfica que é uma outra denominação, mas com a mesma direcção e não é o plano da nova direcção”, disse.

Por outro lado, o responsável revelou que o clube da Vila de Calulo está a trabalhar em parceria com a administração municipal para recuperar o antigo estádio de futebol salão (futsal).

“Assim, que recuperarmos o recinto, vamos pensar seriamente na bola ao cesto de modo a darmos os primeiros passos no resgate do basquetebol”, disse.

error: Content is protected !!