Três protótipos russos de vacina contra Covid-19 demonstram eficácia nos testes

A vacina contra a Covid-19, desenvolvida pelo centro de pesquisa Vector, começará a ser aplicada em voluntários no dia 15 de Julho.

“Até agora, três protótipos da vacina contra a Covid-19 superaram com êxito os testes de capacidade de gerar resposta imunológica”, declarou à Sputnik, nesta Terça-feira (30), Rinat Maksiutov, director do Centro Estatal de Pesquisa de Virologia e Biotecnologia Vector.

“Trata-se dos medicamentos mais avançados em termos de resultados obtidos”, observou Maksiutov.

Ele ressaltou ainda que no centro de pesquisa há vários grupos a trabalhar nas vacinas de nova geração contra a Covid-19, tarefa que envolve mais de 100 investigadores.

A vacina contra a Covid-19, desenvolvida pelo centro Vector, começará a ser aplicada em voluntários no dia 15 de Julho.

“O mais importante é fornecer protecção contra a doença àqueles que serão vacinados. Desenvolver um medicamento seguro capaz de criar esta protecção é a maior dificuldade”, afirmou.

Outra vacina experimental contra a COVID-19, desenvolvida pelo Ministério da Defesa da Rússia e pelo Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamalei, já foi aplicada no primeiro grupo de voluntários no hospital militar Burdenko de Moscovo no dia 18 de Junho.

A pandemia de Covid-19 espalhou-se pelo mundo, e, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o número de casos já ultrapassou os 10 milhões, dos quais mais de 499 mil pessoas morreram.

O Pais

Deve ver notícias

error: Content is protected !!