FAA lamenta a morte do antigo secretário-geral da Associação de Luanda

A Federação Angolana de Atletismo (FAA) lamentou a morte do antigo praticante da modalidade e secretário-geral da Associação Provincial de Luanda, Amadeu Júnior, vítima de doença.

Segundo o documento a que este jornal teve acesso, a direcção cessante da FAA, encabeçada por Bernardo João, endereça à família do malogrado muita força, coragem e os mais profundos sentimentos de pesar.

A nota explicou que Amadeu Júnior foi antigo praticante de atletismo nas especialidades de meio fundo e fundo dos anos 80, representando o grupo do CPPA, actual Interclube.

O mesmo dedicou-se ao dirigismo desportivo, tendo ocupado o cargo de secretário-geral da Associação Provincial de atletismo de Luanda nos anos 90.

Amadeu Júnior não poupou esforços na angariação de patrocínio dando outro cariz à modalidade a nível da cidade capital.

Amadeu Júnior este sempre ocupado no seu gabinete de trabalho com reuniões metodológicas e técnicas para que as corridas na pista do Estádio Municipal dos Coqueiros, na antiga Baixa de Luanda, fosse uma realidade, e, posteriormente no Campo do Olímpa África, no município “satélite” de Viana.

Na reorganização do conselho de juízes e cronometristas, Amadeu Júnior foi um dos mentores e participou de forma activa nas actividades preconizada pela comissão organizadora, na qual destacam-se a sua presença em todas as competições em foi convocado.

error: Content is protected !!