Benin encerra postos consulares e chancelarias em oito países

Governo beninense decidiu pôr fim à missão dos chefes consulares e de chancelaria de oito capitais, em África, Europa, América e Médio Oriente.

De acordo com uma nota oficial, foram suspensos os postos consulares e chancelarias de Paris, Tóquio, Washington, Riade, Doha, Cidade do Kuwait, Abuja e Rabat, com o objectivo de reduzir o pessoal das missões diplomáticas.

Os diplomatas visados foram convidados a fornecer os documentos necessários para a emissão dos bilhetes de avião para todos os membros das suas famílias assim como para providenciar a escolarização dos seus filhos, no Benin, a partir do início do ano acadêmico 2020-21.

Desde que o actual Presidente da República chegou ao poder, (Abril de 2016), observa-se uma restrição gradual do cartão diplomático beninense, o que alguns observadores assimilam a um “confinamento diplomático”.

error: Content is protected !!